DILEMA

https://youtu.be/K_sAgzRbMu4

segunda-feira, 3 de março de 2008

O NEUTRINO

.

Uma partícula quase fantasma
.
O número de neutrinos que chega à Terra é colossal. Têm características que os tornam quase indetectáveis, porque são partículas electricamente neutras (tal como os fotões), e ainda muitíssimo mais pequenas que eles. Assim, não são atraídos ou repelidos pela matéria comum e passam facilmente por entre ela, sem esbarrar com os núcleos de todos os elementos da natureza (atravessam o nosso corpo, em todos os sentidos, sem que demos por isso e sem nos causar qualquer dano), podendo também atravessar de lado a lado toda a Terra, (e mesmo o Sol), sem praticamente interagir com a matéria.
A existência desta partícula quase fantasma, tinha sido proposta pelo físico austríaco Pauli, em 1930, para tentar explicar determinados problemas que se punham com a desintegração do neutrão. Mas foi Enrico Fermi, ainda no mesmo ano de 1930, que elaborou um modelo para o átomo, que incluía o neutrino. Como era italiano, chamou-lhe neutrino, ou seja: pequeno neutrão.
A existência da partícula acabou por ser provada. Uma das primeiras experiências, foi feita no Japão, envolvendo 50. 000 toneladas de água. O neutrino, de onde em onde, embora muito raramente, acaba por interferir com a matéria e produzir luz, que era captada e registada num dos 17. 000 tubos que compunham o sofisticado equipamento.
Porém, subsiste um mistério, como anteriormente referimos. Porque é que chegam à Terra muito menos neutrinos dos que são previstos teoricamente?
Haverá qualquer coisa que ainda não foi bem compreendida nessa partícula fantasma, ou haverá algum erro importante, nos mais recentes modelos que procuram explicar o funcionamento do Cosmos?

9 comentários:

xistosa disse...

Está claro que os neutrinos mudam de trajectória e procuram outros locais para "pastar".
A Terra está demasiado poluída para viverem!
Uma boa semana,
do perturbador.

Joana Dalila Santos disse...

Acabo de ler sobre algo que nunca tinha ouvido falar... e ainda por cima para ficar curiosa!!!!

Humpffff

=D

João disse...

Olá!Gostei muito do seu comentário, no meu estaminé.Que interessante tema, a astronomia.Vou ganhar bastante, frequentando o seu espaço. Para já, sei que existem neutrinos, não fazia a mínima
Abraço

António Inglês disse...

Amigo Vieira Calado

O José Gonçalves deu lugar ao António Inglês e por isso cá estou a visitá-lo, desta vez sem máscara.
Neutrinos eram-me completamente desconhecidos. Nem sequer me passaria pela cabeça que algo fosse capaz de nos atravessar sem que sentisse-mos ou desse-mos conta.
Quanto se aprende por aqui.
Tal como lhe disse, continuo na expectativa de receber o seu livro.
Um abraço
António Inglês

LUIZ SANTILLI JR. disse...

Muito interessante o post sobre os NEUTRINOS.
Essa intrigante partícula sub-atômica, de difícil detecção!
Há muito ainda a ser estudado neste universo!

Santilli

efe disse...

será resultado da ação da ASAE? É que tratando-se de partículas neutras...

;)

Peter disse...

Os neutrinos podem ser (e, muito possivelmente serão) um dos componentes da “matéria negra” que, como sabes, representa mais de 90% da massa total do Universo.

Shelyak disse...

As verdades/descobertas de hoje não o são amanhã... tantas vezes...
Bem que gostaria de viver daqui a 500 anos para ver a história destes nossos tempos actuais...
Abraço :)

Ema Pires disse...

Quantos mistérios no universo.
Obrigada por este blog.
Beijinhos