quarta-feira, 29 de abril de 2009

EXOPLANETAS

-

Volta e meia surgem notícias da descoberta de novos planetas, doutras estrelas.

Até hoje já se conhecem mais de trezentos.

A incansável busca destes exoplanetas, visa, em última instância, encontrar algum que seja semelhante à Terra.

Semelhante, em vários aspectos: massa, constituição rochosa e distância à estrela. Estes três parâmetros são essenciais para o desenvolvimento da vida que nós conhecemos.

Mas há outros a considerar. Por exemplo, a idade e tipo da estrela.

Recentemente, a Organização Europeia para a Pesquisa Astronómica no Hemisfério Sul, anunciou a descoberta do mais pequeno planeta fora do nosso Sistema. Tem quase o dobro da massa da Terra e, pensa-se, é de constituição rochosa. Encontra-se a 20 anos-luz, de nós, uma pequena distância (em termos astronómicos), na constelação Lira.

No entanto, a pequena distância a que se encontra da estrela (dum sistema apelidado de Gliese 581), torná-lo-à, porventura, demasiado quente para poder albergar vida.

.

Imagem AP/ESO

Postar um comentário